Deputado de MT é acionado na Justiça por supostas fake news sobre enchente no Rio Grande do Sul

Deputado de MT é acionado na Justiça por supostas fake news sobre enchente no Rio Grande do Sul

Coronel Assis e outros seis deputados teria disseminado informações falsas durante sessão na Câmara Federal

Conteúdo/ODOC – O deputado federal por Mato Grosso, Coronel Assis (União Brasil), junto com outros seis parlamentares, foi representado na Procuradoria-Geral da República (PGR) pelo Psol. A acusação é de que eles teriam disseminado fake news sobre a destruição no estado do Rio Grande do Sul durante uma sessão na Câmara dos Deputados na semana passada, segundo informações do jornal O Globo.

A ação foi proposta pela deputada federal gaúcha Fernanda Melchionna, em conjunto com seus colegas de partido Sâmia Bomfim, Luciene Cavalcanti, Tarcísio Motta, Luiza Erundina, Talíria Petrone, Tulio Gadelha, Erika Hilton, Chico Alencar e pastor Henrique Vieira.

Na representação, argumenta-se que “o mais grave é o efeito final da rede de desinformação que é armada pelos denunciados”. A ação visa impedir que parlamentares utilizem a tribuna para divulgar mentiras sobre a tragédia das enchentes. Além de Assis, foram representados os deputados federais Filipe Martins (PL-TO), Gilvan da Federal (PL-ES), Paulo Bilynskyj (PL-SP), Caroline de Toni (PL-SC), General Girão (PL-RN) e Coronel Ulysses (União-AC).

“Os deputados Felipe Martins, Coronel Assis, Gilvan da Federal e a deputada Caroline de Toni usaram seu tempo de fala no plenário para reproduzir desinformação sobre o transporte terrestre de doações para o Estado do Rio Grande do Sul, prejudicando o fluxo da necessária ajuda humanitária que provém dessas doações, já que confundem e trazem insegurança no momento em que a população do estado mais precisa”, diz um trecho da representação.

O Psol solicita que os deputados sejam denunciados pela PGR e processados por crimes relacionados à vida e à saúde da população atingida, crimes contra a honra de autoridades e agentes públicos, além de omissão de socorro, calúnia e difamação.

Matheus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *