Governo de Mato Grosso deposita R$ 50 milhões na conta do RS para auxílio no combate à tragédia

Governo de Mato Grosso deposita R$ 50 milhões na conta do RS para auxílio no combate à tragédia

Auxílio é destinado às obras de reconstrução do estado gaúcho, afetado por chuvas intensas nas últimas semanas [Foto – Michel Alvim]

O Governo de Mato Grosso depositou, nesta sexta-feira (10), o auxílio financeiro de R$ 50 milhões ao Rio Grande do Sul, para ajudar nas obras de reconstrução do Estado.

O repasse, autorizado pela Lei nº 12.510, é uma iniciativa do governador Mauro Mendes diante da grande tragédia climática que atingiu o estado gaúcho nas últimas semanas. “Mato Grosso tem sua história construída com o apoio de muitos gaúchos que nos ajudaram a desenvolver nosso Estado e agora esperamos que esse auxílio financeiro possa ajudar o Rio Grande do Sul a se recuperar dessa enorme tragédia, devolvendo a dignidade à sua população”, declarou o governador.

Para o repasse, o Governo do Estado usou recursos arrecadados pelo Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), que recebe contribuições do setor produtivo.

Ajuda ao RS

Desde a última sexta-feira (3), o Governo de Mato Grosso tem prestado apoio ao Rio Grande do Sul, por meio do envio de equipes especializadas das forças de segurança e equipamentos.

O Governo também foi autor da proposta ao Conselho Nacional de Política Fazendária para a criação de um corredor humanitário, dispensando a obrigatoriedade de apresentação de nota fiscal para o transporte de mercadorias destinadas como doação ao Rio Grande do Sul, e abriu quatro pontos para coleta de doações de roupas e alimentos em Cuiabá e Várzea Grande.

As arrecadações seguem até este sábado (11) no Ginásio Aecim Tocantins, das 8h às 17h. As doações serão enviadas ao estado gaúcho na segunda-feira (13), junto com um reforço de equipe da Defesa Civil.

Tragédia no RS

De acordo com a última atualização da Defesa Civil do Rio Grande do Sul, nesta sexta-feira (10), mais de 1,4 milhão de pessoas foram afetadas pelas chuvas intensas na região. Em razão do temporal, 116 pessoas morreram, 756 ficaram feridas e 143 estão desaparecidas.

Matheus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *