Presidente do TJ diz que cenário está indefinido e que ainda não tem nome para sucessão

Presidente do TJ diz que cenário está indefinido e que ainda não tem nome para sucessão

Conteúdo/ODOC – A desembargadora Clarice Claudino, presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, disse que até o momento nenhum colega demostrou interesse em sucedê-la no cargo.

A escolha do novo presidente do TJ ocorre em outubro e não é permitida a reeleição. “O cenário atual ainda é bastante indefinido, portanto eu ainda não tenho como adiantar se vou apoiar algum candidato ou se teremos mais de um candidato. Realmente o cenário não tem uma definição”, disse Clarice à imprensa, nesta quinta-feira (23).

Segundo ela, a indefinição deve acabar logo que chegar o segundo semestre. “Mas, acredito que nos próximos meses o cenário deve se definir. Por enquanto não há definição”, afirmou.

Nos corredores do Judiciário já são ventilados alguns magistrados que deverão concorrer à vaga. Entre eles, estão o ex-presidente do Tribunal Regional Eleitoral, Gilberto Giraldelli, e os desembargadores José Zuquim Nogueira e João Ferreira Filho.

O Judiciário tem o maior duodécimo entre os poderes, com previsão de receber R$ 2,5 bilhões apenas este ano.

Matheus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *