Barbudo lamenta morte de Amália Barros e garante que será “fiscalizador rigoroso” de Lula

Barbudo lamenta morte de Amália Barros e garante que será “fiscalizador rigoroso” de Lula

Deputado volta ao cargo ocupado entre os anos de 2019 e 2023, já como membro da
Comissão de Agricultura e Pecuária

Conteúdo/ODOC – O deputado federal Nelson Barbudo (PL) tomou posse na Câmara dos Deputados na tarde desta terça-feira (21), ocupando a vaga de Amália Barros (PL), que morreu no último dia 12, em decorrência de complicações após a retirada de um nódulo benigno no pâncreas.

Em seu discurso de posse, Barbudo expressou tristeza pela morte da colega e explicou que não havia se pronunciado antes em respeito à família de Amália. “Retorno à Câmara Federal com pesar e de uma forma que jamais desejaria, mas não nos cabe questionar os desígnios de Deus”, declarou.

Barbudo foi o mais votado pela bancada federal de Mato Grosso nas eleições de 2018, exercendo mandato na legislatura de 2019-2022. Na última eleição, obteve pouco mais de 53 mil votos, ficando como primeiro suplente do PL.

Barbudo, que é defensor do ex-presidente Jair Bolsonaro, prometeu ser um “ferrenho fiscalizador” do governo do presidente Lula (PT). “Continuarei o trabalho que iniciei em 2019, defendendo pautas conservadoras, causas justas, nossa pátria, o agronegócio, e a liberdade econômica e política do nosso país”, afirmou.

“Hoje estou com a barba mais branca e o ‘couro mais grosso’. Continuo sendo um deputado combativo e esperançoso em contribuir novamente com meu querido estado de Mato Grosso e com o Brasil. Voltei como oposição, respeitando meu partido PL, e tenham certeza de que serei um implacável defensor da Justiça, do direito à liberdade de expressão, e um fiscalizador rigoroso deste governo”, concluiu.

O parlamentar já entra na Câmara Federal como membro da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural. Antes da posse, ele foi recepcionado em Brasília pelo ex-presidente Jair Bolsonaro e o senador Flávio Bolsonaro (PL).

Matheus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *