Final do tradicional Campeonato do Rio dos Peixes será realizado hoje

Nesta quarta-feira (08) às 19:30hs, o campo da Associação do Incra, será palco de mais um uma final do tradicional Campeonato Integração Entre Amigos e Parentes da Comunidadedo Rio dos Peixes, que localiza ao longo da rodovia MT-251 Cuiabá a Chapada dos Guimarães.

O evento que tem uma tradição há mas de cinco decadas, um dos evento esportivo mais antigo da região, o evento acontece desde dos anos oitenta, com mais de cinquenta anos de existência.

Está é a 76° edição do campeonato, o primeiro após a paralização da pandemia do Coronavirus.

As quatros equipes se preparam para os duelos na decisão do torneio, na decisão do terceiro lugar a Equipe da Sincra do Técnico Rusevelt que foi derrotado na semifinal pela do Juventude pelo placar de 04 x 02 vai enfrentar a Equipe do Vitória Esporte Clube do técnico Seu Dito.

Já na grande final a Equipe de melhor campanha durante a fese de classificação, com seis jogos somou 19 e na semifinal com dois gols de Lucas Lima, desbancou a equipe do Vitória pelo plcar de 04 x 02 e vai encarar a Equipe da Mercearia Rio dos Peixes, do técnico Airton.

Todos os jogos da fase de classificação foi na narrado com o som local do Lázaro Rodrigues com a e equipe 1000 gols comanda pelo narador da manteiga, Nelson Faria, na final não será diferente além ter a narração com o local, os dois jogos serão transmitido pela página oficial do feceebock do esporte na rede MT.

Emtrevista ao site Esporte na Rede MT, o presidente da Associação dos moradores da comunidade do Rio dos Peixes Gumercindo de Oliveira, resaltou e parabenizou os organizadores do evento esportivo nas pessoas do Ullise e Rusevelt pela forma da condução e organização do mesmo, afirmou ainda a importância da volta do futebol amador aos campo do futebol amador na comunidade “É um momento oportuno para reencontrar os velhos amigos que fizeram história nos campos da nossa região”

Para o desportista filho da comunidade do Rio dos Peixes, Manoel Assunção de Brito (o mais conhecido Neguinho) tem 55 anos de idade, disse que parcipapou desse tradicional evento desde dos seus 14 anos forom mais quarenta anos atuando como jogador e dirigente Neguinho como chamado pelos amigos afirma que os campos da época era de chão batido e a bola de capotão, as chuteiras modernas de hoje era o luxuoso Kixute. Hoje a ida na beira do gramado é para acompanhar os filhos que jogam e reencontrar os velhos amigos no tradicional campo da Assimcra, em relação a final da copa disse que não tem preferência em quem vai ser o campeão torce para um bom expetaculo entre os finalísta quer apenas ver um bom futebol como foi os dos jogos da semifinal bonito e bem disputado aja visto que todos os jogadores são amigos e parentes dos moradores da querida Rio dos Peixes, e o que importa não será o título e sim a confraternização entre os parcialmentes resaltou.

Da redação: Matheus

Matheus