Santos FC domina o América-MG e vence mais uma na Vila Belmiro

Fazendo valer o mando de campo, o Santos FC venceu o América-MG na tarde deste domingo (24), por 3 a 0. Marcos Leonardo abriu o placar, e Vinícius Zanocelo completou o marcador com outros dois gols.

O time santista dominou o seu adversário os 90 minutos, e realizou uma grande partida na Vila Belmiro, em jogo válido pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro. A defesa do Peixe, bem postada, controlou as investidas do time mineiro, e o ataque do Alvinegro, fluiu com facilidade, e criou diversas oportunidades de gols.

Em três jogos pela competição nacional até agora, são duas vitórias e um empate, colocando o Peixe momentaneamente, na 1ª colocação do campeonato.

O próximo compromisso do Alvinegro será pela Copa Sul-Americana, diante do Unión La Calera, em jogo válido pela 3ª rodada do Grupo C, no Estádio Municipal Nicolás Chahuán, às 21h30.

O jogo
A primeira boa investida do ataque do Peixe aconteceu logo aos 4 minutos. Na sobra do escanteio, Lucas Pires recupera a bola da marcação e avança pelo lado direito. Na sequência, ele sofre o desarme, mas a bola cai no pé de Madson, que deixa com Léo Baptistão. O camisa 92 coloca na área, mas Marcos Leonardo não alcança.

Aos 15 minutos, Ângelo costura pelo meio e encontra Marcos Leonardo entre dois zagueiros, pelo lado direito. O atacante santista domina, gira o corpo e bate cruzado, e bola passa muito perto da trave direita.

Três minutos depois, mais uma boa trama do ataque do Santos. Marcos Leonardo avança pelo meio, e deixa com Léo Baptistão pelo lado direito, que ajeita e bate firme, obrigando o goleiro adversário a fazer uma boa defesa.

O Alvinegro continuou fazendo uma grande partida, e aos 28 minutos, abriu o placar. Novamente Ângelo arma a jogada pela direita, e de perna esquerda e com extremo capricho, cruza na medida para Marcos Leonardo cabecear e estufar as redes do time mineiro. Gol de número 17 do Menino da Vila pelo time santista.

Aos 34 minutos, Ângelo cobra falta para dentro da área e Marcos Leonardo finaliza em cima da zaga. No rebote, o camisa 9 fica novamente com a bola e chuta firme, e o goleiro americano realiza uma grande defesa à queima-roupa.

O time santista voltou para a segunda etapa mantendo o ritmo acelerado e de pressão na equipe adversária, e aos 6 minutos, saiu o segundo gol do Alvinegro na tarde de domingo. Ângelo coloca na área, Léo Baptistão finaliza, e na sobra, Vinícius Zanocelo empurra para o fundo da rede. A arbitragem anulou o gol do Peixe, mas após a checagem no VAR, a decisão foi alterada, e o árbitro validou o tento. Terceiro gol de Zanocelo com a camisa santista.

Aos 20 minutos, João Paulo trabalhou pela primeira vez, e fez uma linda defesa no chute de Felipe Azevedo. Em uma ótima jornada, a defesa santista inibiu a maioria das investidas do adversário, não dando oportunidade de criar grandes chances.

Em nova cobrança de escanteio, o time da Vila Belmiro ampliou o placar. Maicon cabeceia para o meio da área, e a bola fica limpa para Zanocelo marcar o segundo dele e o terceiro do Peixe na partida, impondo mais uma vez a superioridade santista e dando números finais ao jogo.

FICHA TÉCNICA
Santos FC 3 x 0 América FC
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Data: domingo, 24 de abril de 2022
Horário: 16h00
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires
Cartões Amarelos: Rodrigo Fernández e Marcos Leonardo (SFC)
Público pagante: 10.374
Renda: R$ 327.972,50
Gols: Marcos Leonardo aos 28min do primeiro tempo; Vinícius Zanocelo aos 6min e aos 32min do segundo tempo.
Santos FC: João Paulo; Madson, Eduardo Bauermann, Maicon e Lucas Pires; Vinícius Zanocelo (Willian Maranhão), Rodrigo Fernández e Léo Baptistão (Angulo); Ângelo (Marcos Guilherme), Marcos Leonardo (Ricardo Goulart) e Jhojan Julio (Lucas Braga). Técnico: Fábian Bustos
América FC: Jaílson; Patric, Germán Conti, Éder e João Paulo; Zé Ricardo (Pedrinho), Juninho (Flávio), Alê e Felipe Azevedo (Índio Ramírez); Everaldo (Matheusinho) e Paulinho (Carlos Alberto). Técnico: Vagner Mancini

Matheus