Avallone nega aliança com Lúdio Cabral e afirma que sua pré-candidatura em Cuiabá está mandita

Avallone nega aliança com Lúdio Cabral e afirma que sua pré-candidatura em Cuiabá está mandita

Conteúdo/ODOC – O deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Cuiabá, Carlos Avallone (PSDB), descartou a possibilidade de uma aliança entre o Cidadania e a chapa do também pré-candidato à prefeitura, Lúdio Cabral (PT), para as eleições de outubro deste ano

Avallone afirmou que conversas e tratativas têm ocorrido no contexto geral do cenário político. Contudo, destacou que, dentro da federação, não há nenhuma decisão tomada para apoiar ou coligar com outras legendas.

Além de presidente estadual do PSDB, Avallone também ocupa o cargo de presidente da executiva estadual da federação PSDB-Cidadania.

“O Cidadania e o PSDB têm uma federação. Eu sou presidente da federação. Todo mundo lá dentro tem todo o direito de conversar, tem todo o direito de tratar. Nós temos uma executiva da federação, que eu sou presidente. Então, não existe decisão nenhuma. O Cidadania pode ter uma vontade. E é legítimo”, argumenta.

O estatuto da federação PSDB-Cidadania estabelece que, em municípios com mais de 200 mil eleitores, a escolha de candidatos a cargos majoritários e a formação de coligações devem ser submetidas à aprovação do Colegiado Nacional da Federação.

Recentemente, Lúdio Cabral, candidato do PT, mencionou que tem conversado com os presidentes e dirigentes do PSDB e do Cidadania na busca de apoio dessa federação. Lúdio declarou que “sonha em ter” a dupla de partidos em seu palanque. Avallone, por sua vez, reafirmou que sua candidatura “está de pé”.

Matheus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *