Prefeito analisa se Cuiabá adotará quarentena obrigatória recomendada por governo

Nesta quinta-feira (25), o governador Mauro Mendes (DEM) anunciou decreto sugerindo que as cidades classificadas com risco muito alto para a Covid-19 adotem quarentena obrigatória pelo prazo minímo de 10 dias. Dentre as cidades listadas, estão Cuiabá e Várzea Grande.

Conforme informações da assessoria de imprensa, participam ainda das discussões membros da Procuradoria-Geral do Município. Após o diálogo, Emanuel deverá anunciar as medidas, por meio dos canais oficiais.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) registrou, até o momento, 64.207 casos confirmados da doença e 1.931 mortes em decorrência do coronavírus.

Várzea Grande deve adotar medidas    

O prefeito de Várzea Grande Kalil Baracat (MDB) deve adotar a quarentena obrigatória e endurecer ainda mais as medidas. Conforme a assessoria de Comunicação, Kalil teria ligado para Emanuel para que o prefeito de Cuiabá também atendesse as recomendações, tendo em vista que os dois municípios são interligados.

Conforme noticiado pelo Esporte na Rede MT, Kalil já havia comentado que o comércio considerado não essencial ficaria de portas fechadas pelo período de dez dias, a partir do próximo sábado (27) até 5 de abril.

Matheus