Advogado é assassinado durante “arrastão” em ranchos em MT

O advogado João Anaides Cabral Neto foi assassinado em um rancho que dá acesso ao lago do Rio São Lourenço, em Juscimeira ( a 162 km de Cuiabá), neste sábado (17).

De acordo com o presidente da diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil de Rondonópolis, Stalyn Paniago Pereira, onde João Anaide atuava, criminosos invadiram vários ranchos na região em uma espécie de “arrastão”.

Os ranchos ficam em um condomínio de alto padrão na cidade.

As vítimas foram amarradas e, em determinado momento, os criminosos atiraram contra João Anaides.

Conforme Paniago, a polícia ainda investiga a razão pela qual o advogado foi executado. A princípio, a polícia acredita em latrocínio (roubo seguido de morte).

Ainda segundo Paniago, o veículo de João Anaide foi levado pelos criminosos, assim como vários outros carros e objetos de valores de outras vítmas que estavam no local.

O carro do advogado foi encontrado pela polícia em uma região de mata na manhã deste domingo (18).

A diretora da OAB de Rondonópolis emitiu uma nota de pesar pela morte do profissional e exigiu a imediata apuração do ocorrido.

“Externamos a todos os amigos e familiares os nossos sinceros sentimentos e orações”, diz trecho da nota.

Não há informações sobre o velório.

Matheus