Chacina mata quatro pessoas; três da mesma família; corpos são encontrados carbonizados e algemados

Quatro pessoas, sendo três da mesma família, foram brutalmente assassinadas no último fim de semana no município de Aripuanã, em Mato Grosso.

Os corpos foram encontrados com sinais de execução nessa segunda-feira (23), numa mata entre Tutilândia e Aripuanã.

Uma das vítimas, identificada como Deuzilene Tavares, de 40 anos, conhecida como “Babalu”, teve seu corpo carbonizado, tamanho requinte de crueldade dos assassinos.

O filho dela, de 19 anos, e o marido, identificado como Maiado, foram mortos no mesmo local.

Uma outra pessoa que estava com a família também foi assassinada, uma quinta vítima, uma gestante, foi poupada pelos executores. Eles a levaram até Juína onde a colocaram dentro de um ônibus com destino ignorado.

Os corpos, dois deles algemados, estavam ao lado de um veículo, que também foi incendiado.

Ainda não se sabe o motivo dos crimes, mas há rumores de que as mortes podem ter relação com exploração de garimpo.

Matheus