Com a mão enfaixada, ex de Muvuca diz viver “um novo recomeço”

A empresária Nádia Mendes Vilela, de 33 anos, baleada no dia 28 de junho pelo ex-namorado, o jornalista José Marcondes Neto, o Muvuca, publicou a primeira foto após deixar o hospital em que ficou internada.

Na mensagem, a empresária agradeceu o apoio recebido, citou Deus e disse que vive um novo recomeço. Ela afirmou que vem se readaptando à sua vida e rotina.

Na imagem, Nádia aparece com a mão enfaixada, local onde o tiro a acertou.

“Está me permitindo a cada dia um novo recomeço, aos poucos tudo vem ganhando forma novamente […] Serei eternamente grata”, disse em um trecho da mensagem.

Quando o crime aconteceu, ela estava em seu estabelecimento – uma farmácia – em Tangará da Serra (a 244 quilômetros de Cuiabá).

Muvuca se recusava a aceitar o término do relacionamento e tentava reatar com a ex. Após uma discussão, ele atirou diversas vezes em direção a Nádia e, em seguida, deu um tiro em sua própria cabeça. Ele faleceu no mesmo dia em que cometeu o crime, enquanto Nádia ficou internada durante uma semana.

Leia a mensagem na íntegra:

Como Deus és lindo e tremendo, na sua infinita misericórdia e bondade está me permitindo a cada dia um novo recomeço, aos poucos tudo vem ganhando forma novamente. Agradeço a todos aqueles que estão e estiveram ao meu lado, torcendo pela minha recuperação, orando, chorando e suplicando pela minha vida. Cada um de vocês tem um lugarzinho especial em meu coração, serei eternamente grata.

Matheus