Padrasto é preso suspeito de exploração sexual e estupro da enteada em MT

Um homem, de 64 anos, foi preso, nesta quinta-feira (3), suspeito de exploração sexual e estupro contra a enteada, de 16 anos, em Tangará da Serra, a 242 km de Cuiabá.

Segundo a Polícia Civil, o padrasto obrigava a menor a se prostituir para aumentar a renda familiar.

Além disso, o suspeito mantinha relações sexuais com a menina e fazia ela gravar vídeos e fazer fotos pornográficas dela, informou a polícia.

O suspeito foi preso pela Polícia Militar.

Fonte: g1

Matheus