Emanuel chega no final da corrida eleitoral liderando o índice de rejeição entre os oito candidatos

Rejeitado por 36% dos eleitores, o prefeito e candidato à reeleição Emanuel Pinheiro (MDB), continua nesta reta final de campanha, na liderança dos índices daqueles cuiabanos – que neste domingo vão às urnas e responderam à pesquisa do Ibope – que não votariam de jeito nenhum no prefeito emedebista.

A pesquisa divulgada na noite desta quinta-feira (12), foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número MT-05359/2020.

Em segundo lugar aparece Roberto França (Patriota) com 20%, seguido de Abílio Júnior (Podemos) com 16% de rejeição.

A rejeição de Abílio foi a que registrou a maior queda em relação ao último levantamento, com 15 pontos percentuais. Também França assegurou uma quedda de 11 pontos percentuais em relação à pesquisa anterior.

O ex-juiz federal Julier Sebastião (PT) aparece com 12%; no levantamento divulgado no dia 30 ele tinha 23%.

Já a candidata Gisela Simona (PROS) aparece com 6%, na anterior contabilizava 10% de rejeição dos entrevistados.

Os candidatos Aécio Rodrigues (PSL), Gilberto Lopes (Psol) e Paulo Henrique Grando (Novo) têm 5% de rejeição do eleitorado.

Quatro por cento dos entrevistados disseram que poderiam rejeitar todos os candidatos. Já 13% não souberam opinar ou não responderam.

A soma dos percentuais ultrapassa os 100% porque o eleitor poderia citar mais de um candidato.

Pesquisa Ibope

A pesquisa foi realizada com 602 entrevistas no período de 10 a 12 de novembro.

A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos. E o intervalo de confiança é de 95%.

Matheus