Novo decreto torna uso de máscara facultativo nas salas de aula em Cuiabá

Um novo decreto anunciado pelo prefeito Emanuel torna o uso da máscara opcional dentro das salas de aula das escolas do ensino fundamental e infantil, em Cuiabá. Segundo a prefeitura, o documento será publicado no Diário Oficial dos municípios nesta quarta-feira (30).

No dia 23 deste mês o uso do item de proteção contra a Covid-19 passou a ser facultativo em locais fechados no município, no entanto, continuava sendo obrigatório aos alunos e aos não vacinados contra a doença.

Agora, o uso de máscaras é facultativo nas escolas, locais de atendimento ao público em geral, eventos em geral, transporte coletivo, shopping, igrejas, eventos em geral, ginásios esportivos, estádios, supermercados e demais estabelecimentos comerciais.

A obrigatoriedade da máscara continua sendo válida apenas em locais destinados à prestação de serviços de saúde, para idosos acima de 70 anos, imunossuprimidos, pacientes com comorbidades, pessoas não vacinadas, pessoas com sintomas gripais ou que tiveram contatos com pacientes com o vírus.

Os números divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde apontam uma queda na quantidade de testes de Covid realizados na rede básica de saúde.

Em janeiro, segundo a secretaria, foram feitos 46,8 mil testes. Em fevereiro, foram 4.948 testagens realizadas e em março esse número caiu para 2.042, sendo que desse montante 108 deram positivo. A queda no número de testagens na rede pública é de mais de 95%, comparando-se o mês de janeiro com março.

Matheus